Conheça a história de Santa Terezinha: a rosa do amor

Imagem Conheça a história de Santa Terezinha: a rosa do amor

Uma vida marcada pelo sofrimento e clausura, mas também pelo reconhecimento de que sem Deus não somos nada e não vamos a lugar nenhum. Assim pode ser definida a história de Santa Terezinha do Menino Jesus, aquela que a Igreja considera patrona dos missionários e que compreendeu que o coração de todos os homens foi feito para amar.

 Ao ler sua biografia, temos a certeza de que a materialização do amor de Deus aos Seus filhos está expressa em Santa Terezinha, quando ela mesma diz: “Todavia, sinto em mim outras vocações: a de guerreiro, a de sacerdote, a de apóstolo, a de doutora, a de mártir; enfim, sinto a necessidade, o desejo de realizar, para Ti, Jesus, as mais heroicas obras. Compreendi que o Amor abrange todas as vocações, que o Amor é tudo, que abrange todos os tempos e todos os lugares. Numa palavra, que ele é Eterno! Então, na minha alegria delirante, exclamei: Ó Jesus, meu Amor. Enfim, encontrei minha vocação: é o Amor! Sim, achei meu lugar na Igreja, e esse lugar, meu Deus, fostes vós que o destes a mim. No Coração da Igreja, minha Mãe, serei o Amor. Serei tudo!”.

 A rosa de Santa Terezinha

 Não há quem não veja beleza em um botão de rosa. Esteja em um arranjo sobre a mesa de casa, decorando espaços festivos ou ornamentando altares e andores, esta delicadeza criada por Deus encanta pela simplicidade e traz consigo os mais belos sentimentos e memórias. Por isso que a usamos em datas importantes, seja na celebração da vida ou como memória daqueles que se foram. Até mesmo em expressões do dia-a-dia a rosa está presente, como quando nos referimos a um período do tempo favorável a nós: o “mar de rosas”.

 Em Santa Terezinha estas características são encontradas, mas podemos tomar a rosa como um símbolo, um sentimento, um ardor no coração que nos deve levar a ações concretas junto aos irmãos.

 A beleza natural da rosa, com suas cores vivas, perfume inconfundível e delicadeza, é caminho para o céu. A obra perfeita do Pai torna-se instrumento de amor em Santa Terezinha do Menino Jesus. Quando ela prometeu “fazer cair do Céu sobre a terra uma chuva de rosas”, o que podemos compreender é que Santa Terezinha tornar-se-á nossa intercessora junto a Deus. 

 Ao lançar rosas, Santa Terezinha lança amor

 Está escrito em “História de uma alma”, livro que contém as memórias de Santa Terezinha: “Sim, meu Bem-amado! Assim se consumirá a minha vida... Não tenho outro meio de Te provar o meu amor, senão o de lançar flores, isto é, não deixar escapar nenhum pequeno sacrifício, nenhum olhar, nenhuma palavra; aproveitar todas as menores coisas e fazê-las por amor... Quero sofrer por amor e gozar por amor. Assim lançarei flores diante do teu trono. Não encontrarei nenhuma sem a desfolhar para Ti...”.

 Novena das Rosas de Santa Terezinha

 Esta novena começou com o padre Putingan, em 1925. Ele duvidava do poder de Santa Terezinha e resolveu iniciar uma novena a ela dedicada, pedindo-lhe que mandasse um sinal de sua presença e poder. Ao iniciar a novena, rezou 24 “Glória ao Pai” na intenção da Santíssima Trindade pelos 24 anos de vida da santa.

 Pouco tempo depois, mais exatamente no terceiro dia da novena, padre Putingan recebeu uma bela e desabrochada rosa branca de uma de seus fieis. A partir de então, o padre propagou a novena em cada mês, entre os dias 09 e 17.

 Convidamos você a rezar: “Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo, Vos agradeço todos os favores, todas as graças com que enriquecestes a alma de Vossa serva Santa Terezinha do Menino Jesus, durante os 24 anos que passou na terra. Pelos méritos de tão querida santinha, concedei a graça que ardentemente Vos peço (pedir a graça…), se for conforme a Vossa Santíssima Vontade e para a salvação de minha alma. Ajudai minha fé e minha esperança, ó Santa Terezinha, cumprindo mais uma vez vossa promessa de que ninguém vos invocaria em vão, fazendo-me ganhar uma rosa, sinal de que alcançarei a graça pedida”.

 Glória ao Pai (24 vezes)

 Santa Terezinha do Menino Jesus, rogai por nós!

 Ave-Maria… Pai Nosso…

Leia Também

Pesquisar