A importância do Mês de Junho para os Católicos

Imagem A importância do Mês de Junho para os Católicos

O mês de Junho é um dos mais populares no Brasil, pois nele temos 5 importantes comemorações do Sagrado Coração de Jesus, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Nossa Senhora Rainha da Paz, São Pedro, São João e Santo Antônio, e vamos entender mais sobre este mês tão importante.

Tendo em mente as importantes comemorações do mês de junho, mas muitas vezes nos lembramos apenas das festas juninas, mas devemos também aproveitar este mês para uma verdadeira reflexão de devoção e fé, um período para nos mantermos firmes na oração.

Abaixo falaremos um pouco mais sobre os santos e devoções do mês de junho.

Sagrado Coração de Jesus

O Sagrado Coração de Jesus é uma das mais importantes representações da fé católica, pois em seu ícone encontramos o centro de toda nossa fé, aquele que deu sua vida por nós: Jesus Cristo, com seu sagrado coração exposto, demonstrando a humanidade seu amor e benevolência.

O Sagrado Coração de Jesus é mais do que uma imagem ou um ícone pintado, mas sim uma revelação que foi trazida para a humanidade, e sua comemoração se encontra dentro do calendário litúrgico sendo muito importante.

Quando é comemorado o dia do Sagrado Coração de Jesus ?

O dia do Sagrado Coração de Jesus é comemorado sempre na segunda sexta-feira após o dia de Corpus Christi.

Porém existe uma informação importante sobre esta devoção, pois dentro da tradição da Igreja também devemos dar graças ao Sagrado Coração de Jesus toda primeira sexta-feira do mês em oração lembrando de suas promessas para a humanidade.

Nossa Senhora Rainha da Paz

Das devoções Juninas a festa de Nossa Senhora Rainha da Paz é uma das mais recentes, sendo considerada uma das aparições mais recentes de Maria, porém tem se tornado cada vez mais popular entre os fiéis.

A aparição de Nossa Senhora Rainha da Paz se deu na cidade de Medjugorje na  Bósnia-Herzegovina, sendo consideradas as mais longas aparições de Maria dentro da história da Igreja, e as mais recentes após Fátima em Portugal.

E em sua aparição mais uma vez Maria traz pedidos importantes para a humanidade. Os pedidos de Nossa Senhora Rainha da Paz são exatamente a Paz, e para que oremos pelo bem da humanidade.

Quando é comemorado o dia de Nossa Senhora Rainha da Paz ?

A festa de Nossa Senhora Rainha da Paz é comemorada no dia 25 de Junho, sendo este um dia para orarmos a Maria em pedidos pela paz para a humanidade.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Além da devoção de Nossa Senhora Rainha da paz, no mês de junho também temos a tradicional devoção de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, uma das Devoções Marianas mais populares no Brasil.

Apesar de não entrar nos calendários das tradicionais Festas Juninas, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é muito lembrada ao longo do mês com inúmeras novenas, terços, missas e festas em sua homenagem.

Devemos saber que a devoção a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é importante, pois nos lembra do ícone de Maria que vem em socorro de seus filhos nos momentos de dificuldade, intercedendo por todos nós.

Quando é o dia de Nossa Senhora do perpétuo Socorro ?

O dia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é 27 de Junho, apesar de todo dia ser dia de orar por Maria, é um dia importante para seus fiéis devotos refletirem em oração.

Os Três Santos Juninos

Apesar de haver outros santos que comemoramos durante o mês de Junho, durante este período três devoções extremamente populares se destacam, São Pedro, Santo Antônio e São João sendo muito comemorados ao longo do mês em festas.

As tradições das festas juninas

As tradições das festas juninas não são oficializadas pela Igreja, pois se tratam de uma tradição popular, porém ainda sim são festas em homenagem tradicionalmente em homenagem a São Pedro, Santo Antônio e São João.

As festas Juninas tem sua origem na vida católica, tendo sido trazidas pelos portugueses, inicialmente sendo muito populares nas zonas rurais seu intuito é agradecer aos santos padroeiros deste mês, além da tradicional festa, músicas e danças são realizadas missas como forma de agradecimento aos três santos: São Pedro, Santo Antônio e São João, e principalmente na região sudeste ocorrem as tradicionais quermesses que muitas vezes são feitas pelas próprias paróquias.

São Pedro

Durante a festa de São Pedro relembramos o ícone do Apóstolo de Jesus Cristo que viveu até o seu último dia para espalhar a Palavra de Deus.

Popularmente São Pedro é conhecido como Guardião das Portas do Céu, além de ser o padroeiro dos Papas, dos pescadores e da III secção do CNE.
São Pedro é considerado o primeiro Papa da história da Igreja, dado isso sua grande importância para a fé cristã, partindo dele o início da Igreja em Roma, de onde se espalharia para todo o mundo levando a Palavra de Jesus Cristo ao mundo.

A história de São Pedro é uma das mais belas histórias entre os apóstolos, tendo sido martirizado na cruz, porém fora crucificado de ponta cabeça, sendo este motivo do seu símbolo ser uma cruz de ponta cabeça, que nada tem haver com símbolos pagãos ou satânicos ao qual é atribuída muitas vezes por ignorância.

Além do mais, São Pedro é responsável por vários dos livros que hoje compõem a Bíblia Sagrada da qual lemos.

Quando é o dia de São Pedro ?

O dia de São Pedro é 29 de Junho, sendo uma data muito importante e de grande agradecimento, pois sem seu esforço inicial não teria sido possível a criação das bases da Igreja o que auxiliou a Palavra se espalhar pelo mundo até os dias de hoje.

São João

São João é um dos únicos santos ao qual comemoramos sua natividade, ou seja, seu nascimento, pois apesar de ser fruto do pecado original foi abençoado logo após seu nascimento.

Conhecido São João Batista mais tarde viria a batizar Jesus Cristo nas águas do Rio Jordão, por este motivo sua grande importância dentro da história, sendo deste ato que surgiu o batismo, conforme o batismo de Jesus é relatado na bíblia:

“Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele.

Mas João opunha-se-lhe, dizendo: Eu careço de ser batizado por ti, e vens tu a mim?

Jesus, porém, respondendo, disse-lhe: Deixa por agora, porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele o permitiu.

E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele.

E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.” (Mateus 3:13-17)

Ou seja, a comemoração da festa da natividade de São João é de extrema importância, e neste período nos lembramos da importância e do compromisso que assumimos do momento em que somos batizados.

Além do mais São João Batista é conhecido como o padroeiro daqueles que são injustiçados por causa da fé.

Quando é o dia de São João

O dia de São João é 24 de Junho, na verdade nesta data é comemorado seu nascimento, sendo um dos poucos santos ao qual comemoramos esta data, sendo que possui outra data comemorativa no dia 1 de dezembro.

Santo Antônio de Pádua

Santo Antônio de Pádua é um dos três santos que é comemorado durante o período das festas juninas, sendo inclusive muito popular principalmente no interior do país.

Santo Antônio foi contemporâneo de São Francisco de Assis, pertenceu à ordem dos Franciscanos, foi um grande exemplo de humildade, tido como o santo casamenteiro.

A devoção de Santo Antônio é uma das mais tradicionais principalmente no Brasil, e como dito acima ele é considerado por muitos o “santo casamenteiro”, pois costumava auxiliar moças que não podia, arcar com o valor do dote a conseguir se casarem, e popularmente muitas pessoas recorrem a ele por este motivo, porém, Santo Antônio também é o padroeiro dos objetos perdidos e dos pregadores do Evangelho de Jesus.

Qual é o dia de Santo Antônio de Pádua ?

O dia de Santo Antônio de Pádua é 13 de Junho, sendo inclusive este o motivo do dia 12 de junho ter sido escolhido como o Dia dos Namorados no Brasil, por ser véspera da festa de Santo Antônio.

Tendo visto sobre estas devoções que são comemoradas durante o mês de Junho podemos compreender que é mais que um mês de festas e quermesses, mas sim um mês de louvor a Jesus Cristo (sempre), Nossa Senhora, São Pedro, São João e Santo Antônio, para que possamos refletir sobre estes exemplos e viver uma vida melhor dentro da fé.

Por isso: 

Viva o Sagrado Coração de Jesus, Viva Nossa Senhora, Viva São Pedro, Viva São João, e Viva Santo Antônio, oremos e reflitamos.

Leia Também

Deixe seu comentário

img

Comentários >1 comentários

  • Margarete

    04 de Junho de 2018 às 17:39
    Peço uma bênção de conseguir um emprego.

Pesquisar